04 fevereiro 2019

Presidente do Burning Sun, Lee Moon Ho, responde mensagem de um seguidor

🗓️ 03 de fevereiro de 2019 

Sim, primeiramente muito obrigado por falar comigo tão gentilmente. Eu tenho recebido muitas mensagens de ódio. Primeiro de tudo, não tenho intenções de fugir. Desativar minha conta também não foi minha escolha e Seungri realmente não tem nenhuma responsabilidade. Permitir falhas no regulamento dos funcionários da BS e o  incidente do assédio pela má administração é completamente minha culpa. Eu admito isso e receberei as multas. No entanto, as acusações de drogas e crimes sexuais que vieram deste incidente são todas falsas. Vamos revelar a verdade e planejamos apresentar nossa declaração amanhã. Eu quero postá-lo no meu Instagram agora mesmo, porém, porque é um incidente delicado, a empresa tem que ser cuidadosa. Sobre Seungri, ele realmente fez consultorias para nós logo depois que a casa abriu e ele assumiu o papel de nos promover, mas toda a gestão e administração foi feita por mim. Se houver penalidades para receber por este incidente, eu as receberei e não tenho a intenção de me esconder atrás de alguém. Peço desculpas se você me entendeu mal”.

0 comentários: